Cefalexina – Como tomar, precisa de receita, para que serve

4.7 (94.63%) 696 votes

Cefalexina Cefalexina – Como tomar, precisa de receita, para que serve

Muito usado em casos de infecção de garganta, ouvido, urinária, a Cefalexina é um antibiótico recomendado pelos médicos para tratar aquelas bactérias comuns, embora também seja indicado para tratamento de infecções de pele, furúnculos, celulite, erisipela e muitas outras infecções a qual nosso corpo está suscetível.

Por ser um antibiótico de amplo espectro, ele apresenta uma vasta ação bactericida, sendo eficaz para eliminar bactérias sensíveis.

Keflex, Cefacimed, Ceflexin ou Cefaxon são alguns outros nomes com os quais a Cefalexina é conhecida. Pertencente à família das cefalosporinas, parente próxima da penicilina, por isso, muito eficiente no combate de pequenas infecções do corpo.

Por ser um antibiótico, só pode ser comprado em farmácias, apresentando receita médica.

A Cefalexina é um medicamento indicado em casos de doenças em que as causas sejam bacterianas e não virais. Também é indicado em períodos que antecedam cirurgias, já que o medicamento pode ajudar a prevenir infecções pós operatórias se utilizado 48 horas antes.

Porém, vale saber que a Cefalexina não é eficaz em tratamento de doenças específicas e graves, como a influenza A (H1N1) e nem meningite.

E mais, em caso de uso contínuo do medicamento, é indicado que antes sejam realizados alguns testes de sensibilidade renal.

Vale ter em mente que é enorme o número de medicamentos feitos a base da Cefalexina. Confira abaixo algumas outras opções existentes:

  • Betacef;
  • Cefaben;
  • Cefacimed;
  • Cefagel;
  • Cefagran;
  • Cefalexan;
  • Cefanal;
  • Cefaxon;
  • Ceflexin;
  • Ceporexin;
  • Kefalexina;
  • Keflex;
  • Keforal
  • Neo Ceflex.

Indicação do uso de Cefalexina

Conforme já foi dito, a Cefalexina é indicada para os mais variados tipos de  infecções com causa bacteriana, que podem ser muitas e de diferentes proporções, confira abaixo as mais comuns:

  • Amigdalite;
  • Cistite (infecção urinária);
  • Faringite;
  • Infecção dentária
  • Infecção na mama (mastite);
  • Infecção no Ouvido (otite);
  • Infecção óssea
  • Infecção urinária;
  • Prostatite aguda
  • Sinusites bacterianas
  • Unha inflamada.

E muitas indicações mais, como no caso de infecções na pele, celulites e furúnculos, que geralmente são causadas pelos estafilococos, bactérias que se alojam nos tecidos moles.

Como usar

A Cefalexina deve ser administrada por via oral e independente das refeições.

E todas as vezes que for utilizar cefalexina, é necessário agitar bem o frasco do produto.

Bula

Como qualquer medicamento, Cefalexina possui bula, onde é possível encontrar todas as informações referentes ao antibiótico, como a posologia, as contra indicações e, também, seus efeitos colaterais.

Porém, mostraremos abaixo algumas informações contidas na bula.

remédio-cefalexina-para-que-serveComposição

Cefalexina possui em sua composição os seguintes elementos:

  • 250 mg de cefalexina monoidratada (263 mg);
  • 500 mg de cefalexina monoidratada (526 mg);
  • Aroma de abacaxi e limão;
  • Butilparabeno;
  • Corante amarelo crepúsculo;
  • Cloreto de sódio;
  • Crospovidona;
  • Dióxido de silício;
  • Estearato de alumínio;
  • Lectina de soja;
  • Óleo de rícino hidrogenado;
  • Etoxilado;
  • Sacarose;
  • Sucralose;
  • Vanilina;
  • Triglicerídeos de ácidos cáprico e caprílico.

Contra indicações

Certamente, por ser um antibiótico, Cefalexina possui algumas contra indicações, que devem ser observadas para evitar possíveis efeitos colaterais ou reações graves.

Mas, alguns pacientes precisam ter uma maior cautela em seu uso, confira abaixo algumas situações:

  • Para evitar possíveis complicações, como a intoxicação pelo remédio, pacientes com insuficiência renal precisam ter a dose ajustada.
  • Pessoas alérgicas à penicilina devem evitar o uso desse antibiótico, porém, vale ressaltar que nem todos que possuem a alergia costumam ter reações alérgicas à cefalosporinas.
  • Mulheres grávidas podem tomar a cefalexina, porém somente com a indicação médica.
  • No período de amamentação vale frisar que um pouco do medicamento fica presente no leite, passando para o bebê. Após 8 horas da dose tomada não há mais registro da substância no leite, até a próxima ingestão de cefalexina, de qualquer forma, é preciso a indicação do médico.
  • Vale saber que não há registros de que o medicamento corte ou reduza o efeito hormonal em mulheres que utilizem anticoncepcionais.

Efeitos colaterais

De acordo coma  bula do medicamento, os efeitos colaterais mais comuns observados após  uso da cefalexina podem incluir:

  • Coceira anal e genital,
  • Fadiga,
  • Tontura,
  • Má digestão,
  • Náusea,
  • Diarreia,
  • Confusão mental,
  • Dor de cabeça,
  • Dor abdominal,
  • Inflamação na vagina,
  • Vômito,
  • Corrimento vaginal,
  • Agitação,
  • Urticária na pele
  • Alucinações.
  • Dor de estômago;
  • Candidíase vaginal (casos de complicações);
  • Pacientes com alergia à penicilina têm grandes chances de desenvolver alergia.

Por isso, ao perceber qualquer reação anormal do corpo após o uso do medicamento, a recomendação é procurar, o mais rápido possível, um médico.

Posologia

Geralmente, em adultos a cefalexina é mais receitada em casos como cistite não complicada, faringite, infecção de pele e até amigdalite, nesses casos, sendo indicado 500 mg do medicamento a cada 12 horas.

Porém, dependendo da gravidade da infecção, pode ser indicado 250 mg a cada 6 horas em casos leves a moderados, 1 g a cada 6 horas em casos graves.

Mas, é importante não exagerar na dose, sendo que a máxima permitida por adultos é de 4 g por dia.

Porém, em casos mais graves, como de endocardite bacteriana, que é uma infecção das válvulas do coração, os médicos recomendam a ingestão de 2 g do medicamento, em uma única dose.

Mas, atenção, a cefalexina não é recomendada para crianças. Já, no caso de idosos, não há problemas, porém, é importante analisar se eles estão com os rins funcionando perfeitamente, para não comprometê-los, se for o caso, as doses precisam ser menores, caso contrário, a dosagem será a mesma.

De qualquer forma, vale prestar atenção para, antes de iniciar o tratamento com a cefalexina, consultar o seu médico sobre o que é melhor e mais indicado para a sua situação, talvez esse não seja o melhor medicamento para o seu caso.

Preço

É possível encontrar a cefalexina nas melhores farmácias,   nas versões em comprimidos e em xarope, dependendo do que o médico achar melhor para o seu caso e, também, de acordo com a posologia recomendada para cada paciente.

É possível encontrar o remédio entre R$ 13,00 até R$ 54,00.

Vale lembrar que, assim como outros medicamentos, a cefalexina não pode ser tomada sem prescrição médica.

Sendo um antibiótico, então, s cuidados aumentam e é preciso de receita para adquiri-lo.

Leave a Reply